5 de março de 2015

Como colocar minha música no Spotify?

Gravou suas músicas, começou a divulgar e agora quer colocar seu álbum no Spotify mas não sabe como fazer isso? Não se desespere... leia este artigo e resolva seu problema!


por Mário Megatallica

As redes sociais sempre foram (e sempre serão) grandes aliadas na divulgação de bandas. Porém, a partir de 2010 surgiram serviços específicos para quem gosta de ouvir música em qualquer lugar mas não quer se preocupar em fazer downloads e passar seus arquivos para pendrives ou carregá-los na nuvem. Desde então várias empresas passaram a oferecer gratuitamente a "audição via streaming" e fazer parte do elenco dessas empresas se tornou uma necessidade para todas as bandas.

Passo-a-passo para colocar sua música no Spotify


1) Onde achar a porta-de-entrada
A jornada para colocar sua música no principal serviço de streaming de música da internet começa no link abaixo:


Este endereço te levará à seção de perguntas frequentes do Spotify. Lá você receberá a informação de que deverá fazer parte de um selo agregador para entrar no Spotify e terá a opção de conhecer alguns dos selos agregadores que distribuem música digitalmente.

2) A escolha do selo agregador
Ao passar da porta-de-entrada, o Spotify te apresentará algumas opções de agregadores de música. Você verá duas categorias: Agregadores de Artistas (ARTIST AGGREGATORS) e Agregadores de Selos (LABEL AGGREGATORS), somando um total de sete opções. 

Lista de selos agregadores do Spotify

Se você é um artista ou banda independente (chamados de "indie artists" pelos gringos), você deve escolher uma das opções da categoria Agregadores de Artistas. Nesta categoria há somente empresas americanas que atuam há muito tempo no segmento de registro e distribuição de bandas independentes, portanto, fique ciente de que toda a negociação e o suporte serão feitos por empresas que não se localizam no Brasil. Para facilitar o atendimento, algumas delas começaram a providenciar suporte para os artistas em outros idiomas; a CD Baby, por exemplo, já possui uma central de atendimento no Brasil, com direito a telefone fixo para contato e atendente que se comunica em português.

Tente conhecer bem as opções disponíveis e selecione aquela que oferece as melhores ferramentas e soluções para a venda e distribuição da sua música.

3) Criando e configurando sua conta no selo agregador
Após escolher o selo agregador, você será redirecionado para o site do selo escolhido e a partir de agora você deverá criar uma conta neste selo e começar a configurar a sua conta de artista/banda. 

Você perceberá que este cadastro é um pouco mais detalhado do que aqueles que costumamos preencher para criar contas de email ou de redes sociais; isto é totalmente normal, principalmente porque você está adquirindo um serviço profissional. Faça esse investimento em si mesmo e você passará a ser tratado como um artista profissional em busca de ampliar seu negócio - no caso a venda em larga escala do seu maior produto: sua música. Portanto forneça todas as informações exigidas.

O video abaixo mostra como é feito o cadastro no agregador CD Baby.





4) Hora de cadastrar sua música
Os selos agregadores atuam no mercado como lojas virtuais, distribuidores digitais, fornecedores de streaming de áudio e registradores de música. Ou seja, eles não farão apenas o envio da sua música para o Spotify; se tornarão a sua principal opção de venda da sua música e disponibilizarão o seu material para diversas lojas virtuais de vários países. Lembre-se: a partir de agora você terá um grande parceiro na distribuição da sua música.

Se você compreendeu a importância do selo agregador escolhido, prepare-se agora para um dos principais atos desta jornada rumo ao Spotify: o cadastramento e o envio das suas músicas para o selo agregador.

Você terá que preencher um cadastro muito detalhado sobre o seu álbum, informando tudo sobre ele; desde o seu título até a indicação de artistas semelhantes ao estilo do som da sua banda. Por isso preste bem atenção nas perguntas do agregador e nas respostas que você fornece pois todas essas informações serão levadas em conta para definir a visibilidade do seu material.

O video abaixo é um exemplo do CD Baby:





Você pode cadastrar quantas músicas ou álbuns você quiser e no final do processo você deverá pagar uma taxa para obter o serviço de distribuição digital e outra para gerar um código de barras para o seu álbum. Este código é uma exigência internacional e garante o registro da sua música (o famoso "Copyright"), assim como te dá a possibilidade de vender suas músicas no formato físico (CD e vinil). Antes de confirmar o envio do material você deve revisar com bastante atenção todas as informações que você forneceu sobre sua banda, seu álbum e dados bancários. 

Feito isto você confirmará o envio das suas músicas ao servidor do selo agregador e dentro de poucos dias será possível buscar, ouvir, comprar e compartilhar suas músicas no site do selo. Sim, a partir de agora você está na vitrine! E aproveite para dizer isso a todo mundo.

5) A primeira busca no Spotify
Depois deste processo detalhado de envio do seu álbum ao selo agregador, você receberá informações sobre ele. Entre essas informações, você será informado sobre quanto tempo levará para ter seu álbum disponível para audição no Spotify.

Geralmente quinze dias (ou menos) após o cadastramento das suas músicas no selo agregador você poderá fazer a primeira busca no Spotify. Se você ainda não é usuário do aplicativo (já deveria ser hein!) poderá se cadastrar gratuitamente no site do Spotify Brasil e instalar o tocador de músicas no seu computador e no seu telefone ou tablet.

Entre no tocador do Spotify, clique no botão "Buscar" e digite o seu nome ou nome da sua banda... se você realizou todo o passo-a-passo descrito aqui de maneira correta, o Spotify te encontrará e o seu perfil será exibido. Missão cumprida! A partir de agora é só escutar seu som e compartilhar suas músicas com o mundo...

Perfil de Mario Megatallica disponível no Spotify


6) Trabalhando com a distribuição
Se o seu álbum está disponível no Spotify, saiba que ele muito provavelmente está disponível também no Deezer, Rdio, iTunes, Google Play Music, Xbox Music e em dezenas de outros sites de streaming e venda de música espalhados pela internet. E o que isso quer dizer?

Isso quer dizer que o seu "produto" está na vitrine de algumas das lojas de venda e serviços de streaming mais visitados da internet. Porém, não significa que você esteja sendo necessariamente mais ouvido... sua música está lá, mas será que as pessoas estão sabendo disso?

Entenda bem: distribuição não tem nada a ver com divulgação. Não adianta ter o seu produto disponível em várias lojas se o seu público não sabe que você está na vitrine! Portanto não basta dizer aos seus amigos e seguidores que "a partir de hoje minhas minhas músicas estão no Spotify"... você terá que iniciar várias campanhas para disputar a atenção do seu público com centenas de milhares de outros artistas e bandas que já fizeram o mesmo procedimento que você fez e também estão no Spotify disputando um lugar no fone de ouvido das pessoas. Lembre-se disso!

Promova e divulgue seu perfil do Spotify constatemente. Use todas as ferramentas possíveis (email, redes sociais, videos, promoções, etc) para divulgar seu som; trabalhe com a distribuição ampla que você adquiriu, ou seu álbum permanecerá "empoeirado" na vitrine por falta de clientes.



  
Postar um comentário

Mais Notícias

Notícias - KVR Audio News

Notícias - Sound On Sound Audio News

Notícias - Gearjunkies Audio News

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...