13 de julho de 2012

13 de Julho: vida longa ao Rock ´n´ Roll!

por Mário Megatallica

Eis que nesta sexta-feira, 13 de julho de 2012, o Rock and Roll (ou apenas "Rock" para os mais íntimos) completa mais um ano de vida... e mais uma vez contraria as previsões dos pessimistas de plantão mostrando que ainda tem muita "lenha" pra queimar!

Faço questão, sempre, de comemorar esta data - assim como tantas outras - pois, para mim particularmente, o Rock representa muito. Quando me refiro ao Rock, não quero dizer apenas o estilo musical, mas sim o comportamento, a ideologia, o estilo de vida que ele representa; pois quem gosta de Rock não possui somente um gosto musical diferenciado, também possui um jeito de se vestir, de falar, de se comportar, de pensar diferente de pessoas que curtem outros estilos musicais. Por isso grande parte dos rockeiros se sente "afrontado" quando alguém ousa afirmar que "o Rock já morreu"... mas como, se eu ainda estou vivo? Definitivamente Rock ´n´ Roll não é somente um estilo musical.

Falando sobre datas, existem outras datas que considero tão importantes quanto a que comemoramos hoje. Vejamos algumas:
  • 13 de fevereiro de 1970 - lançamento do primeiro álbum da banda Black Sabbath, chamado simplesmente de Black Sabbath. Este álbum marca, historicamente, o nascimento do Heavy Metal como estilo musical;
  • 26 de abril de 1976 - lançamento do álbum Ramones. O primeiro álbum de estúdio da banda de mesmo nome é considerado a pedra-fundamental  do Punk Rock;
  • 25 de julho de 1983 - lançamento do álbum Kill ´em All,  o primeiro de estúdio do Metallica. Historicamente, é reconhecido como o "pai" do Thrash Metal;
  • 11 de janeiro de 1985 - início da primeira edição do Rock In Rio, realizada no RJ entre os dias 11 e 20. Trazendo bandas consagradas no universo do Rock, o evento implantou de vez o Rock ´n´ Roll em solo brasileiro. Muita gente não gostou disso na época... bom demais!!
Pessoalmente falando, existem duas datas que gosto de celebrar:
  • Janeiro de 1993 - a Rede Globo de televisão exibe a quarta edição do saudoso Hollywood Rock, evento musical patrocinado pela empresa de cigarros do mesmo nome. Nada menos que a elite do grunge fazia parte do elenco do festival. Tocaram lá: Nirvana e Alice in Chains, além de L7 e Red Hot Chilli Peppers. Lembro perfeitamente até hoje de ter ficado bastante impressionado com os trechos do show do Nirvana que pude assistir pela tv naquela época;
  • Maio de 1993 -  Nirvana fez enorme sucesso no Brasil após seu show no Hollywood Rock e passou a ter suas músicas executadas em várias rádios ao redor do país. E apenas poucos meses após o fim do festival acabei me convertendo definitivamente ao Rock ´n´ Roll após ouvir "Lithium", do Nirvana, numa das rádios que eu costumava escutar enquanto fazia as "tarefas de casa" da escola... eu tinha apenas 13 anos naquela época! Depois que o Nirvana entrou na minha vida a partir dali, nunca mais fui o mesmo. Prova disso é que estou aqui, dezenove anos depois, escrevendo um texto em homenagem ao Rock.
Na verdade creio que o que mantém o Rock vivo não são os discos lançados, mas sim as pessoas que os fizeram - e as que curtem ouvir esse tipo de música. São essas pessoas que mantém o legado das "lendas do Rock" vivo e o perpetuam através de seus filhos, sobrinhos, netos, etc... O Rock é passado de geração a geração; não de forma "imposta" (como acontece com os times de futebol), mas sim assimilado, pelo simples prazer de curtir ou tocar um som pesado e rebelde.

O Rock atualmente é tão popular que vemos seu aniversário sendo comemorado em diversos lugares, em diversos meios, por diversas pessoas. Enfim, o Rock (para desgosto da "oposição"), já faz parte da vida de várias pessoas que vivem em grandes centros urbanos. Temos contato com ícones do Rock em rádios, tv, internet e achamos isso perfeitamente habitual. E o que dizer sobre o símbolo-mor do rock, os "chifres do Metal?" Se tornaram tão populares que acabaram sendo banalizados e perdendo seu sentido (nesse ponto eu apóio a campanha do Dee Snider, "Take back the Horns!"). A popularização do Rock gerou um número maior de fãs, de bandas, de rádios, revistas, programas de tv, festivais... a ponto de sermos surpreendidos com a iniciativa da maior rede tv brasileira, por meio de uma certa "rainha dos baixinhos" fazendo uma homenagem (indireta) ao nosso dia do Rock através de um programa especial com o "Rei do Rock" brasileiro, Erasmo Carlos.

Para celebrar este 13 de julho de 2012, fiz algo diferente. Este ano compus um medley com algumas músicas do chamado "Período Clássico do Rock" pra podermos relembrar e (mais uma vez) curtir essas músicas que marcaram a história desse estilo. Este medley tem um diferencial, que é a execução das músicas com produção moderna e com pegada Punk Rock/Thrash Metal - dois dos estilos mais influenciados pelo Classic Rock. Espero que você curta bastante este medley!

E para finalizar, nosso grito de guerra oficial do Dia Mundial do Rock: VIDA LONGA AO ROCK N ROLL!!! Que venham mais 57 anos.

\m/ 

Postar um comentário

Mais Notícias

Notícias - KVR Audio News

Notícias - Sound On Sound Audio News

Notícias - Gearjunkies Audio News

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...