30 de agosto de 2009

Saiba Mais Sobre: O que é MIDI? (parte 1)


O uso de arquivos MIDI é muito comum hoje em dia devido à facilidade que eles oferecem para compôr e executar uma música e por podermos contar com plataformas MIDI de alta qualidade, com timbres que soam quase naturais - ou seja, semelhante ao de instrumentos musicais reais. Muita gente usa arquivos MIDI tanto para se divertir quanto para trabalhar, porém, poucas pessoas sabem o que é MIDI. Esta postagem - que será dividida em três partes - tem como objetivo esclarecer o que é MIDI e como são criados arquivos *.mid, mostrando o potencial que eles oferecem na produção musical.


O que é MIDI?
MIDI (Musical Instrument Digital Interface), ou Interface Digital para Instrumentos Musicais, é uma tecnologia padronizada de comunicação entre instrumentos musicais e equipamentos eletrônicos (teclados, guitarras, sintetizadores, sequenciadores, computadores, samplers, etc), possibilitando que uma composição musical seja executada, transmitida ou manipulada por qualquer dispositivo que reconheça esse padrão. Tecnicamente, MIDI é um protocolo; entretanto, o termo geralmente é utilizado também para se referir aos diversos componentes do sistema, como adaptadores, conectores, arquivos, cabos etc.
Diferentemente de outros formatos, um arquivo MIDI não contém o áudio propriamente dito, e sim as instruções para produzi-lo, ou seja, é basicamente uma partitura digitalizada. Essas instruções definem os instrumentos, notas, timbres, ritmos, efeitos e outras características que serão utilizadas por um sintetizador para a geração dos eventos musicais.
Até a década de 70, a comunicação entre instrumentos musicais era algo impraticável. Foi quando um grupo de fabricantes (os mais conhecidos da época) desenvolveu o padrão MIDI (Musical Instrument Digital Interface). Este padrão permite o envio de mensagens de controle entre instrumentos eletrônicos digitais ou analógicos, e é, portanto, uma representação de eventos e não de som digitalizado.
Mensagens MIDI
Cada mensagem MIDI é, geralmente, composta por 3 palavras e é enviada/recebida serialmente entre duas UART (Universal Asynchronous Receiver Transmitter). Cada palavra, por sua vez é composta de 10 bits, pois sendo uma comunicação assíncrona entre dois dispositivos, necessita ter, além dos 8 bits de dados, ainda 2 bits de sinalização de início e final de palavra, e como característica da transmissão ainda deve-se observar o detalhe da manutenção do sinal em 1 entre palavras e mensagens. Uma analogia muito utilizada é a que se assemelha à comunicação de dois computadores via modem que é muito semelhante. Em cada mensagem enviada é transmitido primeiramente o bit menos significativo.
Transmissão das mensagens MIDI
Para transmissão, cada mensagem MIDI é recebida em paralelo por uma UART (Universal Asyncrhronous Receiver Transmiter) que converte em um formato serial. Essa comunicação serial será utilizada entre os dispositivos a uma taxa de transmissão de 31.250 bits por segundo (31,250 Kbps).
Controladores MIDI
Controladores são dispositivos que tem por objetivo gerar mensagens MIDI para a aplicação que se fizer necessário.
Exclusivos de Sistema
As mensagens exclusivas de sistema — System Exclusive Messages, abreviadas como Sysex — são mensagens cuja estrutura é definida especificamente pelo aparelho que irá recebê-la, podendo tal estrutura conter qualquer tipo de dado. Por exemplo, um dispositivo MIDI pode ter uma especificação de mensagens sysex que contenham caracteres ASCII.
Softwares MIDI
Alguns exemplos de softwares que trabalham com MIDI: Ableton LIVE, Anvil Studio, Cakewalk Sonar, Fruity Loops Studio, Logic Audio, Steinberg Nuendo/Cubase, ProTools, Reason, Sony Acid Pro, Pure Data.

Fonte:wikipedia.org

http://pt.wikipedia.org/wiki/MIDI


Próxima postagem (parte 2): funções e produção de arquivos MIDI.

Metallica, Korn, Slipknot e Machine Head em música beneficente

O baixista do Korn, Reginald "Fieldy" Arvizu se uniu aos membros do Metallica, Slipknot, Machine Head, Disturbed, Killswitch Engage e Hatebreed para gravar uma música instrumental beneficente para o baixista Chi Cheng (foto). Chi se encontra atualmente em estado semi-vegetativo num hospital devido a um acidente automobilístico em Santa Clara, Califórnia, no dia 4 de Novembro. Ele está melhorando gradativamente mas precisa de ajuda.

Qualquer um pode ajudar Chi acessando o site A Song For Chi onde você poderá baixar a música gratuitamente, assistir ao vídeo dela e - o mais importante - contribuir com a sua doação. 100% do total arrecadado será destinado a cobrir os gastos do tratamento de Chi no hospital onde ele está internado.

Os músicos que participarão da música são os seguintes:

Jim Root (SLIPKNOT)
Sid Wilson (SLIPKNOT)
Ray Luzier (KORN)
Reginald "Fieldy" Arvizu (KORN)
Dave McClain (MACHINE HEAD)
Robert Trujillo(METALLICA)
Clint Lowery (SEVENDUST)
Morgan Rose (SEVENDUST)
Brian "Head" Welch (ex-KORN)
James "Munky" Shaffer (KORN)
Wayne Lozinak (HATEBREED)
Wuv (P.O.D.)
Mike Wengren (DISTURBED)
Adam Dutkiewicz (KILLSWITCH ENGAGE)


Fonte: blabbermouth.net

http://www.roadrunnerrecords.com/blabbermouth.net/news.aspx?mode=Article&newsitemID=126111





Foo Fighters lançará coletânea com inéditas

A banda Foo Fighters anunciou que a coletânea Greatest Hits será lançada em 2 de novembro, informou o site especializado em música NME.

"Wheels", faixa apresentada durante um almoço na Casa Branca em comemoração ao Dia da Independência, em 4 de julho, e a canção "Word Forward", composta especialmente para a compilação, são as duas músicas novas que figuram no álbum.

Com faixas que cobrem os 14 anos de carreira do grupo formado em Seattle, Washington, o disco inclui sucessos como "Learn To Fly", "Best Of You", "Times Like These", "My Hero" e "Everlong".

A lista completa das canções que integram a coletânea da banda do vocalista Dave Grohl, ex-Nirvana, ainda não foi divulgada.


Fonte: folha.uol.com.br

http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u616332.shtml

29 de agosto de 2009

Stanton anuncia o novo SCS.3


Combinando dois dos controladores SCS.3d com o mixer SCS.3m e adicionando o software Traktor LE da Native Instruments, a Stanton criou a configuração de DJ mais popular até então, con tudo pronto para funcionar.

No SC System 3, os controladores sensitivos da Stanton e o software Traktor LE da Native criaram uma solução completamente intuitiva para DJs que permite que você plugue e toque em qualquer lugar do mundo dentro de poucos minutos.

O sistema inclui dois deck controladores SCS.3d e o mixer SCS.3m, formando a composição familiar de um equipamento para DJ, porém mais fácil de transportar e de usar, e com um software totalmente integrado que supera tudo que você já usou no passado. O sistema é conectado e alimentado via USB.

Fonte: gearjunkies.com

http://www.gearjunkies.com/news_info.php?news_id=4160

Melodyne e o Snow Leopard

A Celemony, fabricante do software Melodyne (editor de sons polifônicos), alertou a nova versão do MAC OS, o Snow Leopard, da Apple, provavelmente não trará problemas de compatibilidade com seu software. Num aviso oficial em seu site, a Celemony afirma que "as versões atuais do Melodine devem funcionar sem problemas no novo Snow Leopard quando for usado como um programa stand-alone. Porém, antes de confirmar compatibilidade total, nós queremos ter certeza de que ele funcionará perfeitamente como um plug-in dentro de qualquer DAW. atente que nem todas as DAWs possuem compatibilidade com o Snow Leopard. Por isso, verificaremos isso nas próximas semanas e informaremos todos sobre esta questão".

Fabricantes de hardware, como a Apogee Eletronics, também se adiantaram em confirmar a compatibilidade de seus produtos com o novo sistema operacional da Apple.


Fãs homenageiam Michael Jackson no dia do seu aniversário

Centenas de fãs de Michael Jackson reuniram-se nas cidades britânicas de Londres e Leicester para dançar um dos maiores sucessos dele, Thriller, em uma homenagem no que seria o dia do aniversário do cantor.

Os organizadores estimam que 500 pessoas dançaram a famosa coreografia na Praça Orton, em Leicester, e cerca de cem estiveram na Praça Trafalgar, no centro da capital, neste sábado, quando Jackson completaria 51 anos de idade.

Michael Jackson morreu de um ataque cardíaco no dia 25 de junho.

Anand Bhatt, que organizou a concentração em Leicester, disse que tinha como objetivo unir as diversas comunidades da cidade. "Música e dança são uma forma poderosa de aproximar as pessoas", disse. "Para muitos, a dança também é um exercício que ajuda a tratar diabetes, doenças cardíacas e obesidade."

A organizadora do evento de Londres, Ilana Lorraine, afirmou: "Eu sou uma grande fã de Michael Jackson, então eu faço questão de mantê-lo vivo." Ela planeja organizar mais flash-mobs (concentrações rápidas improvisadas) na capital britânica tendo Jackson como tema.


Fonte: musica.uol.com.br

http://musica.uol.com.br/ultnot/bbc/2009/08/29/centenas-de-fas-dancam-thriller-para-lembrar-aniversario-de-michael-jackson.jhtm

Entrevista com o produtor Phil Ramone


Os repórtes Fábio Henriques e Lígia Diniz, da revista Música & Tecnologia, fizeram recentemente uma entrevista com o produtor Phil Ramone, que trabalhou com vários nomes importantes da cena musical mundial. Vale a pena conferir esta entrevista para podermos entender melhor os procedimentos e o ponto de vista deste renomado produtor em relação ao trabalho de produção em estúdio. Confira-a logo abaixo.



por Fábio Henriques e Lígia Diniz

Dos primeiros concertos em grandes parques à revolução digital, o produtor Phil Ramone parece ter um dedo em tudo o que de mais importante aconteceu no universo da música nos últimos 50 anos. Nascido na África do Sul, Ramone logo se mudou para Nova York, onde começou a ter aulas de violino. Da música para o áudio e a produção, foi um pulo mais rápido do que se poderia imaginar.

Hoje já são 14 troféus Grammy - incluindo um prêmio técnico pela contribuição à indústria fonográfica - e uma lista quilométrica de participações em discos, filmes, peças de teatro e o que mais se puder imaginar envolvendo som e música. Phil Ramone esteve sempre na vanguarda ou acompanhando de perto todas as novidades. Longe de ser um homem apegado ao passado brilhante, ele é um incentivador das novas mídias e maneiras de ouvir e propagar música, do CD à internet.
Quando a lista é de artistas que trabalharam com Ramone, também é preciso muito papel e caneta: entre muitos outros estão Ray Charles, Burt Bacharach, Bono Vox, Ray Charles, Chicago, Natalie Cole, Bob Dylan, Gloria Estefan, Aretha Franklin, Etta James, Quincy Jones, BB King, Madonna, Paul McCartney, Liza Minnelli, Sinead O'Connor, Luciano Pavarotti, Peter, Paul and Mary, Andre Previn, Carly Simon, Paul Simon, Frank Sinatra, Rod Stewart, Stevie Wonder, James Taylor, Bruce Springsteen, Bonnie Raitt, Gladys Knight, Sheryl Crow, Chaka Khan, Dianne Reeves, Queen Latifah, kd Lang, Michael Buble, Dave Koz, John Legend, Juanes e Fito Paez.
Atualmente, para transmitir toda a sua experiência - e muitas outras - ele está finalizando, ao lado do produtor Quincy Jones, o documentário Recording - The History od Recorded Music, que será exibido em sete partes, cobrindo de 1887 até hoje - tudo em Dolby 5.1. Vale dar uma olhada no site www.recording.tv.
No Brasil para a Convenção da AES, em maio deste ano, Phil arrumou um tempinho para conversar com a M&T sobre seu começo na profissão, suas experiências mais marcantes e outros assuntos caros a quem está envolvido com áudio e música. Confira a entrevista a seguir.


Como você entrou no complexo universo da música e da indústria fonográfica?

Comecei como engenheiro, bem novo, porque eu era músico. Era violinista clássico. Quando eu trabalhava tocando na TV, em todos os intervalos ia até a técnica e ficava pensando como seria legal ser diretor. Esse foi meu primeiro sonho, ser diretor ou produtor em cinema e TV. Mas eu era uma criança trabalhando com música na TV e então me botavam sentado do lado do técnico de áudio, e eu ficava olhando o trabalho dele, fascinado. Naquela época, usavam-se booms, porque microfones normais não eram permitidos na TV tradicional. Então eu ficava vendo o técnico de áudio conversar com o operador do boom, tentando chegar o mais próximo possível dos músicos, enquanto o diretor dizia "sai da minha cena, sai da minha cena". Minha relação com o áudio começou assim: como fazer música numa indústria - a TV - que não se importa com o áudio.
Havia os Beatles e outros artistas, que iam a shows de variedades e tal. E o mais importante era sempre a imagem; o som vinha em segundo lugar. E mesmo assim havia um grupo de pessoas totalmente apaixonadas e dedicadas ao áudio. Eu fui convidado por um engenheiro para ir a uma convenção da AES quando tinha uns 14 ou 15 anos [a AES existe desde a década de 1940] e eu me lembro de ficar olhando para tudo muito impressionado. Eu queria entender como tudo funcionava, mas não sabia onde poderiam me ensinar. Havia consultores, como um cara que eu conheci que era violinista, mas também era o engenheiro chefe da orquestra sinfônica da NBC. Era impressionante, porque o que ele fazia era uma microfonação clássica: dois microfones em estéreo, apesar de aquilo ser transmitido em mono.

Era numa formação Decca Tree?

Não, ele usava um par de AKGs, que eram chamados de microfones batom [lipstick mics], porque a câmera não se sentia agredida por eles. Imagem antes, som depois. E, naquela época, a orquestra da NBC tinha os melhores músicos e só ficava atrás da Filarmônica. Eu, criança, cheguei a acompanhar algumas dessas transmissões. Hoje em dia há DVDs com gravações desse tempo e está lá a imagem antiga, em preto e branco, mas o som não é terrível. E vemos ali os dois AKGs e mais o microfone do solista - era tudo o que eles podiam usar! Como é que se faz um som assim, com tão pouco?

Quando você começou a colocar a mão na massa?

Eu fui trabalhar em um estúdio, e a negociação era: o engenheiro de lá me ensinaria como gravar e mixar, e eu, em contrapartida, tinha que tocar as cordas e fazer overdubs feito um maluco. A parte mais difícil no aprendizado foi aprender a cortar um disco. Acredite ou não, cortar um disco era a diferença entre o que a gente achava que soava bem no estúdio e o que a gente demonstrava depois. Nessas demonstrações, em algum apartamento da cidade, eu conheci muitos engenheiros importantes, que depois me chamavam para participar de suas sessões - isso tudo quando eu tinha uns 17 anos.
Eu aprendia assistindo às gravações, fazendo perguntas e vendo os engenheiros posicionarem os microfones. Nenhum engenheiro permitia que outra pessoa que não ele mesmo posicionasse seus microfones. E eu ainda trabalho assim. Eu tenho assistentes, mas eu sou o cara que coloca o microfone onde eu acho que ele deve estar. Isso porque era eu a subir a escada para achar o sweet spot onde eu deveria colocar o microfone para captar a seção de cordas. Nós até tínhamos muitos microfones, mas não tínhamos entradas suficientes na mesa para fazer o trabalho de uma maneira mais fácil, como acontece hoje.

Para ler a entrevista completa, clique aqui.


Fonte: musitec.com.br


Curso gratuito de DJ para jovens carentes em Curitiba

A partir do dia 26 de agosto, o prédio do Solar dos Guimarães, localizado na parte histórica de Curitiba, vai abrigar o Centro de Estudos Multimeios, uma moderna escola de formação em música eletrônica e mídias digitais. O projeto, incentivado pelo Governo Federal e administrado pela Prefeitura e pela Fundação Cultural de Curitiba, visa lecionar aulas de música eletrônica, edição e criação de vídeos, edição e produção de áudio, além de webdesign para jovens carentes entre 14 e 23 anos.

O Solar dos Guimarães, patrimônio histórico da cidade, passou por uma reforma, feita em parceria com o Ministério da Cultura, e se tornou uma espécie de ponto de cultura na capital paranaense.

A inauguração aconteceu no dia 25 de agosto e os primeiros cursos iniciam no dia 1º de setembro. Os alunos fazem dois níveis de curso, com uma estrutura curricular baseada apenas em softwares livres. No primeiro nível, serão ministradas aulas de introdução à discotecagem, scratch, navegação na internet, webdesign, edição de áudio e produção musical, bem como introdução à edição de vídeo e Vj. Paralelo ao programa, serão ministradas também aulas de fotografia digital.

As quatro turmas de Dj e novas mídias e a outra de fotografia digital já estão preenchidas. É bom lembrar que 40% das vagas foram destinadas aos participantes do Programa Pró-Jovem (Governo Federal), e o restante foi preenchido por alunos selecionados nos núcleos regionais da Fundação Cultural.

Entre os professores, estão Ariel Frozza, Felipe Arruda e Marcos Ian (Software Livre); Alessandro Martins e Eliel Cezar (MundoBlog); Eder Faria (Edição de vídeos / VJ); Rodrigo Lengning e Alonso Figueroa (Produção Musical); Mateus B., Raul Aguilera, Wanderley Calixtro, Rafael Araujo e Jeff Bass (DJ); e Tania Buchmann e Charly Divinas (Fotografia).

O Centro de Estudos Multimeios fica na Rua 13 de Maio 571, Curitiba, Paraná.


Fonte: musitec.com.br

http://www.musitec.com.br/noticias/noticia.asp?noticiaID=1204

28 de agosto de 2009

Noel Gallagher anuncia fim do Oasis

Em nota no site oficial da banda, Noel Gallagher anunciou hoje o fim da banda Oasis : “É com certa tristeza e com grande alívio que venho informar que deixei o Oasis hoje à noite. As pessoas vão escrever e falar o que quiserem, mas eu simplesmente não consigo trabalhar com o Liam sequer um dia a mais. Sinceras desculpas à todas as pessoas que compraram ingressos para os shows em Paris, Konstanz e Milão”.

Noel Gallagher já havia deixado a banda no fim da década de 90, quando foi substituído por seu irmão Liam no vocal.

Resta esperar pra saber se a banda irá continuar, se haverão outros projetos ou se tudo não passa de marketing.


Fonte: zonapunk.com.br

Moonspell trabalhando em novo álbum

A revista alemã Metal Hammer entrevistou o vocalista e líder do Moonspell, Fernando Ribeiro, que informou que a banda está trabalhando em um novo disco. "Eu já criei o conceito e toda a história. Vai ser algo blasfemo mas, ao mesmo tempo, elegante", disse ele. Segundo Fernando, a banda não vai lançar um disco conceitual "nos moldes de 'Abigail' (do King Diamond) ou 'Operation: Mindcrime' (do Queensrÿche). Na verdade, eu acho que sempre fomos uma banda conceitual", resumiu ele. O lançamento está previsto para 2010.


Fonte: roadiecrew.net

Marduk disponibiliza nova música no Myspace

"Phosphorous Redeemer", uma faixa inédita da banda sueca de black metal MARDUK, já pode ser conferida no MySpace oficial da banda.

A faixa faz parte do novo disco do grupo, décimo primeiro em sua carreira, intitulado Wormwood, que será lançado nos EUA no dia 13 de outubro pela Regain Records, e no dia 24 de Setembro na Europa.

O disco terá as seguintes faixas:

01. Nowhere, No-One, Nothing
02. Funeral Dawn
03. This Fleshly Void
04. Unclosing The Curse
05. Into Utter Madness
06. Phosphorous Redeemer
07. To Redirect Perdition
08. Whorecrown
09. Chorus Of Cracking Necks
10. As A Garment

Fonte: whiplash.net

http://whiplash.net/materias/news_872/094761-marduk.html

27 de agosto de 2009

Audio & Rock N Roll classificado entre os 100 melhores pela TOPBLOG


Tenho o imenso orgulho de comunicar que o blog Audio & Rock N Roll, que estava concorrendo ao prêmio de melhor blog na categoria música no portal TOPBLOG, foi classificado por votação popular, entre os cem blogs de música mais populares do Brasil na sub-categoria Blog Profissional (confira o resultado acessando o link no fim da página). A todos que votam no A&RR meu imenso obrigado. As chances de faturar o prêmio principal são poucas devido ao pouco tempo de existência do blog - três meses - porém, este resultado revela que ele vem cumprindo bem sua função, que é a de levar informações úteis para músicos e profissionais do áudio, assim como para os amantes da Música de forma geral, seja através das notícias de bandas ou dos artigos sobre equipamentos, softwares, eventos, etc.

Gostaria de agradecer a todos que votaram no Audio & Rock N Roll e dizer que ele sempre estará totalmente a seu dispor como fonte de informação sobre o mundo da Música e do Áudio profissional, e que espero contar com as suas críticas, sugestões, elogios e divulgação entre seus amigos e colegas para colocar o A&RR em condições de disputar igualmente entre os grandes blogs musicais deste país no ano que vem. Obrigado pelo apoio.



Mário "Megatallica" A.S.B.

editor-chefe do A&RR


Akai Miniak disponível para venda


A fabricante de produtos de áudio Akai Professional anunciou que o seu novo sintetizador, Miniak, já está disponível para venda.

O Miniak é um sintetizador criado em parceria com a Alesis, que deu ao produto sua poderosa tecnologia de processamento de efeitos de última geração, tornando-o perfeito para produção em estúdio e para apresentações ao vivo. Extremamente compacto e portátil, é perfeito para criar sons de diversos tipo para performances ou para criação musical, permitindo aos seus usuários crir programações com mais de oito vozes, cada uma com três osciladores. ele já sai de fábrica com 600 presets de sons. Trabalha com alta resolução, 24 bits, com entradas balanceadas, e um teclado de 37 teclas. O equipamento terá preço estimado entre US$499,00 e US$699,00.


Fonte: gearjunkies.com

http://www.gearjunkies.com/news_info.php?news_id=4155&PHPSESSID=51d1a799730e3f7a0ac37d35ca49a40a

Saiba Mais Sobre: Cordas de Guitarra


Esta postagem é simples, porém, muito útil, pois tira as dúvidas tanto de instrumentistas quanto de profissionais do ramo que ainda têm dificuldade para achar o tipo certo de encordoamento para um guitarrista. Existem várias marcas de encordoamento de guitarra no mercado, com materiais e durabilidade variados, mas o básico mesmo é saber as suas tensões e qual delas indicar para cada caso. Veja os tipos de tensões mais comuns e suas aplicações abaixo:


0.08 – É uma corda extremamente leve, indicada principalmente para agilidade, muito utilizada em estilos como o rock, heavy-metal.
0.09 – Mais comum entre os guitarristas, pois proporciona agilidade, bends, tapping, arpejos e outros. Excelente tanto para nível iniciante ou profissional.
0.10 – Proporciona timbre mais "encorpado", "cheio" e graves indicada em Power Chords (base) e estilos que utilizam distorção.
0.11 – Encordoamento mais rígido, indicada para modelos: Stratocasters, Les-Paul's, semi-acústicas, utilizadas em estilo como Jazz e Blues.
0.12 – Encordoamento com alta tensão, muito rígido e pouco utilizado entre guitarristas, proporciona um som “denso” e “encorpado”.

Fonte: izzomusical.com.br

Paradise Lost disponibiliza nova música no Myspace

Uma nova música dos britânicos do Paradise Lost, intitulada 'The Rise Of Denial' foi disponibilizada para streaming no MySpace oficial da banda. Ela integra o álbum Faith Divides Us - Death Unites Us, que será lançado no dia 28 de setembro pela Century Media Records.

O track list é:

01. 'As Horizons End'
02. 'I Remain'
03. 'First Light'
04. 'Frailty'
05. 'Faith Divides Us - Death Unites Us'
06. 'The Rise Of Denial'
07. 'Living With Scars'
08. 'Last Regret'
09. 'Universal Dream'
10. 'In Truth'


Fonte: roadiecrew.net

Hatebreed disponibiliza nova música para audição

A banda americana HATEBREED disponibilizou para audição online a música "In The Ashes They Shall Reap", que estará presente no seu novo álbum, e que pode ser conferida diretamente na página oficial da banda no Myspace.


Fonte: whiplash.net

http://whiplash.net/materias/news_872/094707-hatebreed.html



26 de agosto de 2009

Tiago Della Vega na EXPOMUSIC 2009

O guitarrista mais rápido do mundo, o brasileiro Tiago Della Vega, acabou de anunciar oficialmente sua participação na maior feira musical da América Latina, a ExpoMusic. A vigésima sexta edição do evento irá acontecer mais uma vez na cidade de São Paulo, a partir de 23 de setembro até o dia 27 do mesmo mês, na Expo Center Norte.

Tiago estará presente nos stands da Dimarzio e Dean Guitars, este último, dividindo o palco com o baixista David Vincent (Morbid Angel) e o guitarrista Michael Angelo.

Datas:

25 de Setembro - São Paulo/SP - ExpoMusic 2009 - 17h30
26 de Setembro - São Paulo/SP - ExpoMusic 2009 - 17h30
27 de Setembro - São Paulo/SP - ExpoMusic 2009 - 15h00 e 17h00


Fonte: roadiecrew.net


Belphegor disponibiliza nova música para audição

"Walpurgis Rites", uma nova música do grupo Austríaco de Black-Death Metal BELPHEGOR, está disponível para streaming no MySpace oficial. A faixa é do oitavo trabalho da banda, Walpurgis Rites - Hexenwahn, que deve sair no dia 9 de outubro, pela Nuclear Blast Records.

O sucessor de Bondage Goat Zombie (2008) foi gravado no Stage One Studios, estúdio do Andy Classen (que já trabalho com nomes como LEGION OF THE DAMNED, DEW-SCENTED e ASPHYX), na cidade de Kassel/Alemanha.


Fonte: whiplash.net

http://whiplash.net/materias/news_872/094635-belphegor.html

VMB 2009

Preparem-se para votar nos seus artistas favoritos, pois a lista dos nomes indicados para o prêmio Vídeo Music Brasil 2009, o famoso VMB, foi divulgado na última quinta-feira (13/08). A cerimônia de entrega organizada pela MTV Brasil será realizada no dia 1º de outubro no Credicard Hall.

A apresentação do evento ficará a cargo do humorista Marcelo Adnet e duas atrações musicais já estão confirmadas, Erasmo Carlos e a banda escocesa Franz Ferdinand.

O evento premiará categorias como melhor show, artista do ano e revelação, hit do ano, videoclipe do ano, melhor vocalista, baixista, guitarrista, baterista, e além dos itens diretamente relacionados a música serão premiados também duas categorias novas que são Blog do ano e Twitter do ano. É claro que alguns endorsees da Izzo estão relacionados nesta lista, nomes como Paralamas do Sucesso, Jean Dolabella e Chimarruts estão na disputa por esses prêmios.

Se liga na lista e vote nos seus endorsees das marcas Vic Firth, Aquarian e SG Strings.

Conheça alguns nomes de concorrentes a prêmios na festa deste ano e suas respectivas categorias:

Hit do Ano
NX Zero - Cartas Para Você
Pitty - Me Adora
Seu Jorge - Burguesinha
Skank - Sutilmente
Wanessa - Fly

Rock
Autoramas
Cachorro Grande
Forfun
Pitty
Strike

Rock Alternativo
Black Drawing Chalks
Holger
Móveis Coloniais de Acaju
Nervoso e os Calmantes
Pública

Hardcore
Dead Fish
Devotos
Garage Fuzz
Mukeka Di Rato
Presto?

Veja a lista completa clicando aqui.


Fonte: izzomusical.com.br

http://www.izzomusical.com.br/noticia/vmb-2009-conheca-os-indicados-aos-premios-deste-ano

Korg Kaossilator ganha versão rosa

O bom e velho KAOSSILATOR - um instrumento de bolso que carrega o renomado timbre de sintetizadores da Korg e apresenta recursos inovadores para performance em uma versão ultracompacta – ganhou uma versão limitada na cor pink, o Kaossilator Pink.

Para aqueles que não se lembram do Kaossilator clássico, ele é um sintetizador que é tocado através de sua tela sensitiva e não através de um teclado! É uma maneira conveniente de guitarristas, DJs e até tecladistas acrescentarem novos elementos às suas músicas. Por ser muito fácil de usar e extremamente intuitivo, o Kaossilator PINK também permite que entusiastas da música experimentem um novo jeito de envolvimento musical e expressão, além de muita diversão, é claro!

O Kaossilator Pink, assim como o Kaossilator normal, vem com 100 programas de som que combinam o lendário sistema de modelagem de synth da Korg com os efeitos da linha KAOSS PAD, perfeitos para qualquer gênero musical.


Fonte: korg.com.br

http://www.korg.com.br/home/news.asp?noticia=218

3º Festival Internacional De Acordeon Roland

Em 1º de setembro, a Roland Brasil, com o apoio da Vivo, promoverá a final da etapa brasileira do 3º Festival Internacional Roland de Acordeon. A decisão, que ocorrerá no Teatro Vivo, em São Paulo, a partir das 21 horas, será disputada pelo gaúcho Carlos Alberto Ceccagno Vivan, o pernambucano Giordano Mahatma Rosendo da Costa e o catarinense Orimar Hess Júnior. O vencedor receberá um V-Accordion Roland FR-7 e estará automaticamente classificado para disputar o título de “Melhor Acordeonista do Mundo”, evento que acontecerá em novembro, na capital italiana.

Na mesma noite, os presentes ainda poderão conferir apresentações de Thais Andrade, integrante do Villa Country Band, e Jackson Jofre Rodrigues, vencedor da etapa brasileira do 2º Festival Internacional Roland de Acordeon. Os interessados em acompanhar a final devem comparecer ao local com uma hora de antecedência, trazendo um quilo de alimento que será doado para uma instituição de caridade.

Final brasileira do 3º Festival Internacional Roland de Acordeon
Dia: 1º de setembro de 2009
Horário: 21 horas
Local: Teatro Vivo
Endereço: Avenida Doutor Chucri Zaidan, 860 – São Paulo
Ingresso: 1kg de alimento não perecível


Fonte: roland.com.br

http://roland.com.br/agenda/show/130

The Exploited em Brasilia

Tirem os coturnos do armário e preparem os moicanos!!! O que ontem era só um boato aqui no blog, hoje se tornou real: a seminal banda escocesa de punk rock The Exploited tocará em Brasília no dia 6 de novembro (sexta-feira), no Arena Futebol Clube (Setor de Clubes Sul). A confirmação nos foi passada pela própria produção do evento, que ainda estuda valores de ingressos e bandas locais para a abertura. Não há informações ainda sobre outras datas do grupo no Brasil.

Formado entre 1979 e 1980 na cidade de Edimburgo, o quarteto liderou uma segunda onda do movimento punk no mundo, com letras politizadas e ácidas, como é comum aos estilo. Sempre sob o comando do vocalista e ex-soldado Wattie Buchan, The Exploited lançou oito álbuns de estúdio, outros nove ao vivo, além de diversos singles, EPs e participações em splits e coletâneas. Na atual formação, estão o baterista Wullie Buchan, o guitarrista Gav e o baixista Irish Bob.

Mais detalhes sobre o evento em breve.


Fonte: cult22.com

http://www.cult22.com/blog/2009/confirmado-the-exploited-em-brasilia/


23 de agosto de 2009

Banda Khallice faz tributo ao Dream Theater

A banda Khallice fará um show de tributo ao Dream Theater na próxima quinta-feira, dia 27 de Agosto, no Bolshoi Pub, em Goiânia, no qual promete tocar o clássico Images And Words ( segundo álbum do Dream Theater) na íntegra. A abertura do evento ficará por conta da banda goianiense Vex Symphony. Para os amantes do Prog Metal será um show imperdível. Para saber mais detalhes sobre o show clique aqui.

Serviço

Banda: Khallice
Local: Bolshoi Pub - av. T-2, st. Bueno, Goiânia - GO
Data: Quinta, dia 27 de Agosto
Ingresso: R$15,00 + 01Kg de alimento não-perecível


Fonte:bolshoipub.com.br


Redline atualizado para versão 1.0.3

A 112dB, fabricante do plugin Redline Monitor, que simula o som de monitores near-field para fones de ouvido, atualizou-o para a versão 1.0.3, tanto para a versão retail quanto para a trial. A nova versão inclui:

. nova atenuação de -3dB para -6dB;
. aparência mais legível para usuários com deficiência visual;
. opçãopara desabilitar as janelas "popups" de dicas.

Foram solucionados também problemas de compatibilidade com o ProTools e com o Live 8.0 (quando carregado no Windows Vista), além de algumas incompatibilidades com o Windows Vista.

O Redline Monitor está disponível nos formatos RTA e VST para windows XP e Vista e RTA/AU/VST para MAC OS 10.0.4 (Tiger) ou superiores e é vendido exclusivamente na loja virtual da 112dB.

Yamaha marca presença na Feira Broadcast & Cable 2009

Técnicos especialmente treinados apresentarão Mixers Digitais, Stage Box, softwares Steinberg e outros equipamentos de alta performance para todos os visitantes.

A Yamaha Musical do Brasil estará presente na 18ª edição da Feira Broadcast & Cable levando novidades e produtos desenvolvidos com a mais precisa tecnologia japonesa para profissionais, empresários e executivos do mercado de produção e distribuição de conteúdo eletrônico, impresso e telecomunicações. A feira internacional vai ocorrer entre os dias 26 e 28 de agosto no Centro de Exposição Imigrantes.

Neste ano, a Yamaha Musical expõe a nova versão do SB168 ES, o mais avançado Stage Box do mercado, projetado para potencializar as performances ao vivo e em estúdio. O equipamento oferece 16 canais de entradas de microfone/linha que, em uso combinado com as poderosas mesas M7CL e LS9, torna-se a solução ideal da Yamaha para quem precisa substituir um multicabo analógico ou mesmo otimizar seus sistemas digitais. É a maior novidade no mercado de transmissão de áudio via rede (Cat 5) e também na intercomunicação de equipamentos via rede. Além do Stage Box, a Yamaha vai apresentar as novas versões dos softwares Steinberg, em especial, o Nuendo.

A presença na Broadcast & Cable é de suma importância para a marca, pois intensifica o relacionamento direto com os consumidores e profissionais possibilitando a troca de informações a respeito de seus produtos e equipamentos. No estande serão realizados workshops e demonstrações de produtos e softwares com especialistas em instrumentos e softwares da multinacional japonesa. Segundo Aldo Werner Linares, especialista em áudio da Yamaha Musical, “a empresa espera firmar ainda mais o nome Yamaha como a principal marca de mixers digitais no mercado de Broadcasting e também apresentar a marca Steinberg como a melhor solução de software de pós-produção”. O Stage Box estará disponível no mercado brasileiro a partir de setembro. Os softwares Steinberg já se encontram à disposição do público nas melhores lojas e revendas do País.

A multinacional japonesa espera a todos para apresentar as novidades digitais com os melhores equipamentos que o mundo da música tem a oferecer.


Serviço

Local: Centro de Exposição Imigrantes
Data: 26 e 28 de agosto
Horário: 12h às 20h

Fonte: yamahamusical.com.br

Yamaha no Pianestival 2009

A Yamaha Musical marca presença nas comemorações do Ano da França no Brasil. Integrando parte do cronograma oficial das apresentações e exposições, a multinacional japonesa é parceira do Pianestival, grande encontro bienal de pianistas que contou na edição de 2009 com a inscrição de mais de 100 competidores de 33 países.

O Pianestival é o único festival deste gênero no mundo, juntando em uma privilegiada cidade a apresentação de pianistas amadores de alto nível. A edição 2009 vai ocorrer entre os dias 24 a 30 de agosto de 2009 no Forte de Copacabana, no Rio de Janeiro.

Cada pianista, selecionado entre os finalistas de concursos internacionais de piano amador, fará um recital de uma hora. O evento contará com a performance do brasileiro Robert Fuchs.

O Rio de Janeiro terá o prazer de receber um dos mais prestigiado comitê artístico já convidado para o Pianestival: Ye Feng, Abel Sanchez-Aguilera, Jun Fujimoto, Mathias Fischer, Ariel Sirat, Thomas Yu, Thierry Goldwaser, Julien Kurtz, Paul Anthony Romero, Julien Lombardo, Julien Kurtz, Rebecca Davis, Bruno Ory-Lavollée, Alain Planes e o brasileiro Robert Fuchs. Para a Yamaha Musical, o mais interessante dessa parceria é aliar iniciativas culturais com a possibilidade de se proporcionar eventos gratuitos para o público brasileiro.

Serviço

Entrada livre e gratuita
Data: 24 a 30 de agosto
Local: Forte de Copacabana - Rio de Janeiro


Fonte: yamahamusical.com.br

Yamaha na EXPOMUSIC 2009

A Yamaha lançou um comunicado sobre a sua participação na maior feira musical da América Latina neste ano. Confira:

"Quem gosta de musica já sabe que setembro é o mês da Expomusic, maior feira do setor da America Latina. Durante cinco dias – entre os dias 23 e 27 - será possível conhecer os principais lançamentos de instrumentos musicais no Brasil, além de encontrar com ídolos da música que também prestigiam o evento.


E a Yamaha Musical do Brasil, líder do seguimento no mundo, já está com tudo preparado para receber o público. O estande foi totalmente pensado para trazer uma completa experiência musical. A maioria dos instrumentos expostos poderá ser tocada e vai agradar desde os iniciantes até os profissionais, independente do estilo.

Os que gostam de instrumentos de sopro poderão conferir os principais modelos em uma sala exclusiva; já os amantes das teclas poderão apreciar a leveza do toque dos pianos Yamaha, além de conhecer toda linha de clavinovas e teclados. Já os que apreciam as cordas, poderão degustar os principais lançamentos em guitarras, baixos e violões. Por último, mas não menos importantes, estarão expostos os mais novos modelos de baterias.

Durante todos os dias de feira o público poderá participar, ainda, de workshops de comercial audio e sobre softwares da Steinberg. Para atender ao público, diversos músicos demonstradores estarão à disposição para auxiliar aos que quiserem conhecer e esclarecer algumas dúvidas sobre os instrumentos Yamaha.

A Yamaha Musical do Brasil espera contar com a presença de todos para cinco dias de muita música! "


Serviço | Expomusic

23 e 24 de setembro – restrito aos profissionais do setor
25, 26 e 27 de setembro – aberto ao público em geral

Local: Expo Center Norte
Horário: das 13hs às 21hs
Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333
Pavilhões Vermelho e Verde
São Paulo – São Paulo


Fonte: yamahamusical.com.br

Yamaha Play Now! em Vila Velha

Um dos maiores sucessos da Yamaha Musical passou pelo estado do Espírito Santo, no dia 06 de agosto, atraindo o público de Vila Velha para o shopping Praia da Costa. Realizando uma parceria inédita com a loja Carneiro Instrumentos Musicais, revenda oficial da Yamaha, a marca japonesa levou a sua consagrada exposição de instrumentos, o Yamaha Play Now!, e um pocket show do Duo Sciotti, formado por Derico (Programa do Jô) e seu irmão Sérgio Sciotti.

O ponto alto da apresentação do Duo Sciotti ocorreu enquanto a dupla tocou Your Song, de Elton John. A platéia acompanhava cantando em uníssono durante a performance instrumental dos músicos.

Como manda a tradição, o evento deu a oportunidade de o público aliar entretenimento e experimentação, pois todos que passaram pelo local puderam utilizar os modelos expostos, desde os conhecidos teclados, sintetizadores, violões, guitarras e baixos aos mais sofisticados como clavinovas e baterias eletrônicas.

No local também estavam montadas estações com os Cubase 5, Sequel 2, Wavelab 6 e outros softwares da Steinberg, mostrando ao usuário como configurar corretamente o seu Home Studio e sugestões de equipamentos como monitores de áudio, interfaces de áudio e MIDI, teclados controladores e superfície de controle.


Fonte: yamahamusical.com.br

10 músicas favoritas de Steve Vai

Numa entrevista para a Radio AOL, o guitarrista Steve Vai revelou suas dez músicas instrumentais favoritas de todos os tempos. Confira a lista delas abaixo:

1) Europa (Earth´s cry Heaven Smile) - Carlos Santana;

2) Cause We Ended As Lovers - Jeff Back;

3) Midnight - Jimi Hendrix;

4) Is There Love In The Space - Joe Satriani;

5) Meeting Of The Spirits - Mashavishnu Orchestra;

6) Black Napkins - Frank Zappa;

7) Devil Take The Hindmost - Allan Holdsworth;

8) Lenny - Steve Ray Vaughan;

9) Black Star - Yngwie J. Malmsteen;

10) Tequila - The Champs.

Veja os comentários do guitarrista sobre cada uma delas (em inglês) no link abaixo.


Fonte: aolradioblog.com

http://www.aolradioblog.com/2009/08/21/steve-vai-unveils-his-10-favorite-instrumentals/




22 de agosto de 2009

Jimi Hendrix é o melhor segundo revista Time

Jimi Hendrix foi eleito o melhor guitarrista da história pela revista "Time", que elaborou uma lista na qual também inclui outros ícones da música como Slash, B.B. King, Keith Richards, Eric Clapton e o recentemente falecido Les Paul.

"Nunca ninguém combinou com uma guitarra o blues, o rock e a 'psicodelia' com tanta facilidade e carisma" como Hendrix, assegura o crítico musical da "Time", Josh Tyrangiel, encarregado de elaborar a lista sobre os mestres da guitarra.

Segundo Tyrangiel, o lendário Hendrix se impõe a artistas de todas as épocas e gêneros. Já o ex-guitarrista do grupo Guns N'Roses Saul Hudson, mais conhecido com Slash, ficou com o segundo lugar, graças à sua "precisão" com as seis cordas e a sua paciência com Axl Rose, vocalista da banda.

O terceiro lugar da lista de dez ficou com a lenda do blues B.B. King e sua guitarra "Lucille".

O guitarrista dos Rolling Stones Keith Richards vem logo em seguida, antes de Eric Clapton.

Jimmy Page, ex-membro do grupo Led Zeppelin ficou em sexto, seguido por Chuck Berry, Les Paul, Yngwie Malmsteen e Prince, fechando o "top 10" de ilustres guitarristas.


Fonte: musica.uol.com.br

http://musica.uol.com.br/ultnot/2009/08/22/uol-musica-jimmy-page-e-o-sexto-melhor-guitarrista-da-historia-segundo-a-revista-time.jhtm

Jim Lindberg fora do Pennywise

O vocalista Jim Lindberg anunciou sua saida da banda de hardcore sueca Pennywise. Confira a sua nota de despedida: "Depois de 20 anos, nove álbuns e milhares de shows pelo mundo, meu tempo no Pennywise chegou ao fim. Ser o cantor desta banda foi uma experiência incrível, e ao longo do tempo fizemos os melhores fãs que qualquer um pediria. Eu espero expressar meu sincero obrigado para vocês, principalmente neste anos sem o Jason. Os seus apoios e encorajamentos, me fizeram ir longe. São algumas coisas que me fizeram mais orgulhoso que ver pessoas nos nossos shows cantando nossas músicas. Eu gostaria de sinceramente agradecer a todo mundo que nos ajudou por esses anos, nos nunca conseguiriamos sem vocês, e desejo que cada um da família Pennywise muita sorte e sucesso. Sinceramente, Jim”.

Ainda não há noticia sobre o futuro da banda ou substituto para Jim.


Fonte: zonapunk.com.br

Vídeos do Bittencourt Project no Myspace

A equipe da revista Guitar Player disponibilizou em seu MySpace oficial, três vídeos inéditos do Bittencourt Project, projeto solo do guitarrista Rafael Bittencourt (Angra). O veículo, além de evidenciar o trabalho do artista numa extensa entrevista em sua edição impressa do mês de agosto, apresenta versões audiovisuais ao vivo para "The Underworld" (Bittencourt Project), "Out Of This World" e "Millenium Sun" (ambas do Angra). Para conferir os vídeo basta clicar aqui.


Fonte: roadiecrew.net

Pearl Jam lança minidocumentário no Youtube

O Pearl Jam liberou na internet um minidocumentário sobre o novo álbum da banda, Backspaper. No filme, de quase dez minutos, o grupo se apresenta ao vivo tocando as músicas “Just Breath”, “Got Some” e The Fixer”. O vídeo mostra também cenas de bastidores, como o Pearl Jam no estúdio e falando sobre o novo trabalho, além de imagens de Seattle, cidade onde a banda surgiu.
Para assistir ao vídeo basta clicar aqui.



Fonte: whiplash.net

http://whiplash.net/materias/news_872/094400-pearljam.html

Novo álbum do Halford em Outubro

Uma boa notícia para os fãs de Rob Halford.

De acordo com a HMV e a Amazon.com, a Sony Japan/Zoom anunciou que um novo álbum solo do vocalista do Judas Priest deverá ser lançado dia 28 de Outubro e será chamado III Holidays. Rob Halford lançou Crucible, seu último álbum de estúdio em 2002 e em 2007 lançou o Metal God Essentials, Vol. 1, com as músicas inéditas "Forgotten Generation" e "Drop Out".


Fonte: whiplash.net

http://whiplash.net/materias/news_872/094398-halford.html

20 de agosto de 2009

Novo álbum do Slayer, faixa por faixa

Phil Freeman, ex-editor-chefe da Metal Edge, teve o prazer de ser um dos críticos que puderam ouvir o novo álbum do Slayer, World Painted Blood, e fazer uma resenha faixa-a-faixa deste novo material do grupo. Confira abaixo.

"World Painted Blood"

O álbum começa com uma bateria em marcha e algumas falas difíceis de serem entendidas, antes que os riffs sabáticos entrem em cena. Com um minuto as coisas ficam mais rápidas, com as guitarras rítmicas soando mais como James Hetfield no "Death Magnetic" do que o som comum do Slayer. Os vocais roucos de Tom Araya adicionam uma urgência dramática às suas letras de horror. Esta música é espiritualmente familiar ao "South of Heaven", mas mais rápida e mais agressiva, com um riff principal absolutamente matador. Se esta música tem um ponto fraco, talvez seja no seu tamanho (próximo de 6 minutos), além de ter muitas ideias juntas. Apesar disso é um bom início para o álbum.

"Unit 731"
Um hino super-rápido do tipo que o SLAYER escreveu uma dúzia de vezes antes e irá escrever até eles pendurarem as guitarras. Lombardo continua sendo o mestre das baterias do thrash, e suas baquetas tem um quê de punk-rock neste álbum que faz dele mais fresco. O mix de "World Painted Blood" é realmente surpreendente - não apenas as baterias, mas o espaço dado ao baixo de Araya e o peso das guitarras. O produtor Greg Fidelman deu ao álbum um som bastante similar ao "Death Magnetic" (que ele também produziu), mas sem o trabalho explosivo de masterização. Consequentemente, funciona melhor para eles do que para o Metallica.

"Snuff"
Esta música começa com dois solos de guitarra. Isso é novo. O título já entrega que a letra é sobre os filmes snuff (onde uma pessoa é morta de verdade). Os versos de Araya são bastante planos, como em um canto rítmico, mas ele ainda está em boa forma, soando genuinamente enraivecido e perigoso. Ainda há mais um grupo de solos no meio, e uma união realmente intrínseca das linhas de guitarra no final. Esta é sem dúvidas uma das músicas mais desafiantes do Slayer nos últimos tempos.

"Beauty Through Order"
Temperamental, com um riff e uma estrutura bastante (eu digo bastante) similar à "Eyes of the Insane", do "Christ Illusion". Aquela música deu para eles um Grammy, então não seria surpreendente de ver esta girando novamente a roda, mas é praticamente uma re-gravação. Em torno dos 2 minutos e meio eles mudam e começam a tocar riffs e um solo que parece inspirado em "Reign in Blood" e "Seasons in the Abyss", quando Araya grita "God did not do this", várias vezes. Obviamente eles são o Slayer e sempre serão, mas nesta música parece que eles estão se plagiarizando um pouco demais.

"Hate Worldwide"
A segunda de duas músicas que eles lançaram para os fãs. É uma das músicas mais punk-rock do álbum, bem dura com em torno de 3 minutos, um solo barulhento de cada guitarrista e um refrão gracioso ("Let's spread a little hate worldwide"). O arquétipo do Slayer em outras palavras, mas sem soar como uma re-gravação.

"Public Display of Dismemberment"
Dave Lombardo toca rápido nesta música. Parecem ser as batidas mais rápidas desde "Silent Scream" do "South of Heaven". As letras são um pouco políticas, o que você não deve perceber pelo título. Quando está na hora do primeiro solo, uma ponte, as coisas ficam mais lentas. O segundo solo é de velocidade máxima. Esta é outra música curta - 2 minutos e meio - e deixará os fãs sem fôlego se/quando for tocada ao vivo.

"Human Strain"
Se essa fosse uma música do CANNIBAL CORPSE, seria sobre alimentar as pessoas em uma espécie de coador, mas o "strain" que eles estão falando é um vírus. Apesar disso, não é uma re-composição de "Epidemic" do "Reign in Blood". É uma música relativamente lenta. Há uma parada legal no meio, com uma recitação falada de Araya com guitarras dissoantes no fundo, e algum canto limpo. Esta, juntamente com "Snuff" e "World Painted Blood", mostram que o Slayer ainda tem um bom espaço para materiais originais.

"Americon"
Outra música política, esta é baseada em um riff que soa como se eles estivessem guardado-o desde as sessões de "Diabolus in Musica". As guitarras vão em pedaladas que fazem eles soarem como o SLIPKNOT, e Lombardo toca com pancadas brutais. É uma música boa o bastante, mas soa menos do que você poderia esperar do Slayer desde "Dead Skin Mask" do "Seasons in the Abyss" (minha música menos favorita do grupo). Não estou fazendo uma comparação direta entre as duas músicas - "Americon" não tem aquele refrão terrível - mas esta música destoa um pouco do resto do álbum.

"Psychopathy Red"
Felizmente, eles vieram de volta com essa explosão punk-rock de puro ódio do Slayer Esta música poderia se encaixar perfeitamente no "Reign in Blood", e o produtor Fidelman capturou a vibração do ódio cego com perfeição. Os gritos de Araya soam positivamente enlouquecidos. Não é de se imaginar que esta música é uma sensação desde que foi lançada na internet no ano passado.

"Playing with Dolls"
Outra música que alude novamente ao "Christ Illusion", mas esta me lembra da música mais impressionante daquele álbum, "Jihad", então é algo muito bom. O primeiro minuto é lento e arrepiante, mas quando a bateria entra de verdade e as guitarras rítmicas começam a triturar, é uma história completamente diferente. Há alguns efeitos industriais sutis no fundo que adicionam hostilidade e alienação (quando eu digo sutil, digo sutil, não é nada tipo o FEAR FACTORY). E o solo de guitarra parece sair organicamente da música principal, uma raridade para o Slayer.

"Not of This God"
A música final do álbum combina a velocidade e potência de "Unit 731" com uma ponte que explora os sons de "Americon" no estilo SLIPKNOTescos, só que um pouco melhor. É uma música bem moderna do Slayer combinando suas forças perenes com uma vontade de tentar algo novo, e isso te retira do álbum sem fôlego e com um coquetel de pura agressão que esses caras patentearam.

Veredito Final
Um monte de pessoas disseram que o SLAYER não era tão grande desde o "Seasons in the Abyss". Estas pessoas estão erradas. Os anos de Paul Bostaph tem muito para recomendarmos (o álbum "Diabolus in Musica" é seriamente subestimado), e "Christ Illusion" mostrou que o SLAYER pode experimentar um pouco de dissonância e melodia, e chutar seu próprio estilo de música e composição um nível acima quando eles quiserem. Os membros da banda deram um monte de entrevistas sobre como este álbum foi escrito no estúdio. Escutando ele, você não pode dizer. É realmente impressionante. Muito do "Death Magnetic" do Metallica combinado com o thrash dos seus primeirs anos e o som do hard-rock de 1990. "World Painted Blood" se construiu em cima do sucesso de cada álbum do SLAYER antes dele. Não é um esforço para polir o legado da banda, é um passo no caminho de uma jornada. Altamente recomendado.

Worl Painted Blood deverá ser lançado em Outubro pela American Recordings/Columbia Recordings e terá as seguintes faixas:

01. World Painted Blood
02. Unit 731
03. Snuff
04. Beauty Through Order
05. Hate Worldwide
06. Public Display Of Dismemberment
07. Human Strain
08. Americon
09. Psychopathy Red
10. Playing With Dolls
11. Not Of This God


Fonte: whiplash.net

http://whiplash.net/materias/news_872/094325-slayer.html

http://whiplash.net/materias/news_872/094328-slayer.html

Anatel aprova homologação de produtos Shure

A fabricante de microfones Shure divulgou recentemente o seguinte comunicado sobre a regularização e a autenticidade de seus produtos:

"Há algum tempo, quem acompanha as notícias de nosso site tem visto a preocupação da Pride Music em alertar os consumidores mantendo-os informados sobre o tema: Produtos Falsificados. Em mais uma ação para inibir a ilegalidade e informar seus consumidores e revendedores, a Pride Music decidiu publicar um informativo completo sobre a regularização e a homologação de microfones sem fio Shure, primeiramente em seu site, e depois nos principais pontos de vendas (revendedores) em todo o Brasil.

Todo sistema de microfone sem fio deve ter autorização da ANATEL (Agência Nacional de Telecomunicações) para operar no Brasil. Isso é necessário para evitar que frequências não autorizadas interfiram em serviços como polícia, ambulâncias, aeroportos e também, é claro, em outros microfones regularizados de qualquer marca fabricada ou distribuída no país. Quando os microfones são aprovados para uso no Brasil, eles são certificados e recebem um selo da ANATEL que atestam a homologação do produto para uso no território nacional.

Mas é claro, que até isso os falsificadores podem copiar! Para diminuir as dúvidas sobre como identificar corretamente um produto legal e um produto ilegal, preparamos um informativo explicando que legalmente não basta que os produtos tenham o selo com os mesmos números da homologação. Se os produtos não foram importados pela Pride Music, eles NÃO são homologados.

Em outras palavras, para estar legalizado, é preciso, cumulativamente, que:

1) O produto tenha o selo de Homologação da Anatel com o número da homologação.

2) Que o produto tenha sido importado pela Pride Music, que é a ÚNICA empresa brasileira com a Certificação de Homologação Anatel, em caráter intransferível.

Para ser um produto oficial, o sistema sem fio deve ter a etiqueta de homologação da ANATEL, com o registro de homologação (de propriedade exclusiva da Pride Music) e também a etiqueta de importação da Pride Music na embalagem e no manual em Português do produto. Se o produto não contar com algum desses itens ou contar apenas com o selo de homologação sem a etiqueta de importação Pride Music, ele é um produto ilegal.

Resumindo, os itens que um sistema sem fio Shure importado oficialmente deve, obrigatoriamente, ter:

- Etiqueta de importação com número de unidade e código de barras com logotipo da Pride Music na embalagem.
- Manual em Português com etiqueta do número de unidade Pride Music colada ou impressa no próprio manual.
- Selo HOLOGRÁFICO da ANATEL com matrícula/homologação colado no transmissor.

Se você estiver comprando um sistema sem fio Shure e ele não contar com algum desses itens, muito provavelmente você está sendo enganado! Pode estar comprando um produto importado ilegalmente ou falsificado, e sendo de seu conhecimento estes fatos, poderá também responder judicialmente caso seja fiscalizado pela Anatel ou outros órgãos de arrecadação Estadual ou Federal. Denuncie sempre que tiver dúvidas, pois podemos confirmar através do número de série se o produto foi ou não importado pela Pride Music e se está autorizado a operar legalmente no Brasil.

"O consumidor ou comprador, desde que corretamente informado e orientado, que se deixa enganar pagando preços abaixo dos preços reais de mercado ou que deliberadamente compra algo ilegal, além de sair prejudicado financeiramente e tecnicamente, também é responsável pelo crime de falsificação e pela venda e/ou utilização de produtos ilegais."

Para obter mais detalhes, acesse o site da Shure clicando aqui.


Fonte: shure.com.br

http://www.shure.com.br/menu/padrao.php?link=noticias&cod=23

8ª Feira da Música em Fortaleza

Entre 19 e 22 de agosto, Fortaleza vai abrigar um dos maiores eventos de música independente do país. A Feira da Música, que chega a sua 8ª edição este ano, vai abordar o tema Música, Novas Tecnologias e Ambientes na Web, incluindo eventos gratuitos realizados em toda a capital cearense. Na programação do festival, haverá apresentações de bandas de todo o país, com participações de grupos estrangeiros, como o Los Cocineros, da Argentina, que mistura humor com rock, pop, bolero, tango e cumbia. São cerca de 60 atrações, que mostram ao público os mais diversos sons, do regional ao jazz, passando pelo rock, MPB, experimental, pop eletrônico, entre outros.

Incluso no festival, há também o Encontro Internacional da Música, com shows, rodada de negócios, oficinas, conferências, lançamentos, exposição da indústria de equipamentos, instrumentos e serviços. O encontro acontece no Centro de Negócios do Sebrae, e conta de painéis com os temas Políticas Públicas para Música; Tecnologia e Indústrias Criativas, e Gestão de Equipamentos Culturais.

Já as aulas-espetáculos serão ministradas por vários dos músicos que se apresentam na feira. É o caso de Kaoll & Lanny Gordin, do Octeto de Saxofones da Escola de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (EMUFRN); e de Fabrício Conde, que falará sobre a viola caipira. Haverá ainda oficinas de Musicografia Braille, ministrada por Nilton Cunha; Rádio Web Livre, com Tiago Oliveira; e Teatro: um instrumento musical, com Tuka Villa Lobos e Gito Sales.

Outra novidade na programação do Encontro é o grupo de trabalho de Assessoria de Gestão para Artistas e Grupos Musicais. Nele serão abordados temas como Estruturação e Planejamento, com Alessandra Leão e Jô Maria; Como se comportar no Mercado Fonográfico: dicas práticas de como produzir e divulgar seu trabalho, com Rodrigo Lariú; e Toque no Brasil - Capacitação articulação e realização de turnês, com Sérgio Ugeda.

A feira é uma realização da Associação dos Produtores de Discos do Ceará (PRODISC) em parceria com o Sebrae-Ce. Conta também com a promoção da Prefeitura de Fortaleza, patrocínio do Banco do Nordeste e BNDES, e os apoios cultural do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), e institucional do Ministério da Cultura. Para mais informações, bem como a programação completa, acesse o site www.feiramusica.com.br.


Fonte: musitec.com.br

http://www.musitec.com.br/noticias/noticia.asp?noticiaID=1198

Relançamento do U2 terá inéditas

O U2 vai incluir canções inéditas gravadas na década de 80 na re-edição do álbum The Unforgettable Fire, de 1984.

Em entrevista à Radio 1, da BBC, Bono e The Edge afirmaram que redescobriram faixas da banda enquanto trabalhavam no projeto de relançamento que comemora os 25 anos de "Unforgettable Fire", que deve chegar às lojas no fim do ano. As gravações foram feitas durante as sessões para o quarto disco de estúdio do U2.

De acordo com a dupla, uma das canções se chama "Disappearing Act", e foi finalizada recentemente na França. Gravada em 1983 com os produtores Brian Eno e Daniel Lanois, a canção tinha o título original "White City" e foi descoberta há cerca de seis meses, explicou The Edge.


Fonte: musica.uol.com.br

http://musica.uol.com.br/ultnot/2009/08/20/u2-vai-lancar-musicas-ineditas-gravadas-nos-anos-80-em-re-edicao-de-unforgettable-fire.jhtm

Show do Onslaught adiado para Novembro

A banda inglesa Onslaught, que será a atração da Thrash Metal Party, remarcou para Novembro o show que faria no dia 14 de outubro no Manifesto Bar, em São Paulo (SP).

O grupo formado atualmente Sy Keller (vocal), Nige Rockett (guitarra), Steve Grice (bateria), Andy Rosser-Davies (guitarra) e Jeff Williams (baixo) é responsável por três álbuns clássicos do Thrash Metal dos anos 80 – Power From Hell (1985), The Force (1986) e In Search Of Sanity (1989). Atualmente, o Onslaught promove o seu mais recente lançamento, Killing Peace (2007). O álbum saiu dois anos após o retorno do grupo à ativa e dezoito após o seu derradeiro trabalho, In Search Of Sanity, que contou com o vocal de Steve Grimmett, ex-Grim Reaper. O CD contou com a produção do experiente Andy Sneap e destaca composições no melhor estilo Thrash, como "Burn", "Peace", "Twisted Jesus", "Planting Seeds Of Hate" e "Shock & Awe".

A nova data ainda não está definida. Mais informações sobre a "Thrash Metal Party" serão divulgadas em breve.


Fonte: roadiecrew.net

19 de agosto de 2009

Festival Vaca Amarela 2009

A produtora goiana de eventos Fosforo divulgou o cronograma de shows do festival anual Vaca Amarela. O evento ocorrerá nos dias 11 e 12 de Setembro no Centro Cultural Martin Cerere. Confira as bandas e seus respectivos horários de apresentação no festival logo abaixo:

8º Vaca Amarela:

11/09/2009 (SEXTA)

01:00 Canastra (RJ)
00:30 Umbando
00:00 Trilöbit (PR)
23:30 Gloom
23:00 Los Cociñeros (ARG)
22:30 Gilbertos Come Bacon (DF)
22:00 Technicolor
21:30 Pato com Laranja
21:00 Black Sonora (MG)
20:30 Madame Butterfly e os Burlescos
20:00 Dom Capaz (MG)
19:30 Chimpanzés de Gaveta
19:00 MC Dyskreto
18:30 Kabiotó
18:00 Novos Ébanos
17:30 ABERTURA DOS PORTÕES



12/09/2009 (SÁBADO)

01:00 Dead Fish (ES)
00:30 Mugo
00:00 Johnny Suxxx and the Fucking Boys
23:30 MQN
23:00 Atomic Winter
22:30 Woolloongabbas
22:00 Boddah Diciro (TO)
21:30 Anesthesia Brain
21:00 Ressonância Mórfica
20:30 Snorks (MT)
20:00 Fígado Killer
19:30 Dimitri Pellz (MS)
19:00 Girlie Hell
18:30 Novos Vinis (Anápolis-GO)
18:00 Just Another Fuck
17:30 ABERTURA DOS PORTÕES

O ingresso custará R$15,00 cada dia e poderá ser adquirido nas lojas Ambiente Skate shop e Hocus pocus.

Tagima Dream Team 2009

Para os entusiastas da guitarra, no dia 22 de setembro será possível sentir um pouco do gostinho do que a fabricante de instrumentos musicais Tagima levará para a Expomusic. Trata-se do Tagima Dream Team, encontro que acontece em São Paulo, no Moinho Eventos. A iniciativa conta com várias atrações, dentre elas apresentações de músicos renomados, workshops e demonstrações de produtos, incluindo os de empresas como Santo Angelo, Quanta Music, Bends, Áudio Technica, Áudio Tecnology, Bose, NCA e Octagon. A entrada vale dois quilos de alimentos não perecíveis, que serão doados para instituições de caridade.

O evento será realizado das 9h às 20h, com uma grande Jam Session de encerramento. No palco principal, estarão artistas como Ulisses Rocha e Mozart Mello, Edu Ardanuy, Juninho Afram (Oficina G3) e Kiko Loureiro (Angra), Mônica Agena (Natiruts), Arthur Maia (Gilberto Gil), Sérgio Hinds (O Terço), Marcelo Barbosa e o americano Vernon Neilly. Outros músicos brasileiros, e membros honorários do Tagima Dream Team, também se apresentarão na tenda Brasil.

Os workshops serão coordenados pelo Instituto de Guitarra e Tecnologia (IG&T), da Escola de Música e Tecnologia (EM&T), em uma tenda-escola armada no local. Na área de exposições, a Tagima colocará todos os seus instrumentos à disposição para testes, inclusive os lançamentos 2010, com sorteios e vários brindes.

O Tagima Dream Team 2009 acontece no Moinho Eventos (www.moinhoeventos.com.br), na Rua Borges de Figueiredo 510, Moóca, São Paulo. Para mais informações, o telefone de contato é (11) 2915-8900.

www.tagima.com.br


Fonte: musitec.com.br

http://www.musitec.com.br/noticias/noticia.asp?noticiaID=1192

Venda de mp3 aumenta e de CDs cai

Os CDs representaram 65% das vendas de música nos Estados Unidos no primeiro semestre de 2009, mas os downloads pagos estão crescendo cada vez mais e devem superar os CDs vendidos até o fim de 2010, segundo um estudo publicado nesta terça-feira pela empresa NPD Group.

"Muitas pessoas ficam surpresas com o fato de o CD continuar sendo o suporte musical dominante, levando em conta a atenção dada à música digital e a diminuição das vendas de suportes físicos", destacou Russ Crupnick, analista especializado na indústria do entretenimento na NPD.

"Contudo, com um aumento de 15% a 20% dos downloads pagos e uma queda das vendas de CD nas mesmas proporções, as vendas de música on-line vão chegar praticamente ao mesmo nível das dos CD daqui ao fim de 2010", afirmou.

Nos seis primeiros meses deste ano, o download pago constituiu 35% da totalidade das vendas de música, contra 20% em 2007 e 30% em 2008.

No primeiro semestre, iTunes, da Apple, reuniu 69% do mercado dos downloads pagos, deixando para trás a AmazonMP3 (8%).

Para os CD, o gigante americano Wal-Mart liderava com 20% do mercado, seguido por Best Buy (16%), Target Distribution e Amazon (10% cada).


Fonte: musica.uol.com.br

http://musica.uol.com.br/ultnot/afp/2009/08/18/download-pago-se-aproxima-das-vendas-de-cds-segundo-estudo.jhtm

Mais Notícias

Notícias - KVR Audio News

Notícias - Sound On Sound Audio News

Notícias - Gearjunkies Audio News

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...